top of page
Background.png
Header_Site3.png
  • Foto do escritorMaryana Leão

Análise | The Last Of Us 1x04 ("Please Hold to My Hand")

Repleto de drama, comédia e tensão, o episódio aprofunda a relação entre Joel e Ellie

Divulgação: HBO


Depois de uma crescente de qualidade vista desde o piloto até o episódio 3, em "Por favor, segure minha mão", quarto episódio da série, fica evidente que o ritmo diminui um pouco quando comparado aos outros. Contudo, isso não quer dizer que o episódio foi ruim - longe disso -, já que as expectativas foram correspondidas com um lindo desenrolar da relação entre os protagonistas, boas cenas de ação e novos personagens e mistérios que foram apresentados. Esse novo episódio pode até ter em certo ponto desacelerado quando comparado a outros, mas sem dúvida alguma não perde em nada sua grandiosidade e maestria ao contar mais um capítulo da história.


Após chegar à casa de Bill e Frank, pegar alguns suprimentos e o carro deixado por Bill, a dupla de protagonistas embarca em uma jornada em busca de Tommy, irmão de Joel. Logo no começo dessa "roadtrip" são alvos de uma emboscada organizada por um grupo de pessoas ali presente. Ao se deparar com esse pessoal nada amigável, no meio de um tiroteio, em um cenário que se vê obrigado a matar para não morrer, Joel é obrigado a tomar atitudes difíceis que pelo modo que são feitas deixam transparecer um pouco todo o sofrimento pelo qual o protagonista já passou e a amargura e dor que é lidar com tudo isso.


Mesmo com um episódio menor, de 45 minutos, a história caminha bem e cada minuto é muito bem aproveitado para focar nos personagens e desenvolvê-los. É notório que essa dupla de protagonistas é especial. Pedro Pascal (Joel) e Bella Ramsey (Ellie) atuam juntos com uma sintonia que é fenomenal. Eles conseguem ir da comédia ao drama em um piscar de olhos e exalam um carisma que faz com que o telespectador se apaixone ainda mais e fique ansioso por vê-los juntos e saber o rumo que a história irá tomar para aqueles personagens.


Ao longo dos últimos três episódios transmitidos acompanhamos um Joel reticente e sempre com pé atrás em sua relação com a Ellie. Aqui vemos essa barreira que separa os dois sendo quebrada aos poucos e a aproximação e cuidado de um com o outro crescendo. É engraçado perceber que a relação da dupla vai evoluindo pelas situações em que eles se encontram, mas também por eles serem muito parecidos. A Ellie, assim como o Joel, com aquele jeito fechado e abusado, já passou por muita coisa que deixam marcas e refletem em ambas as personalidades.


Por todo o peso que carrega em seus ombros e por atitudes que teve que tomar para sobreviver, muitas vezes esquecemos que Ellie é apenas uma garotinha de 14 anos e órfã. Esse episódio ao mesmo tempo que nos mostra momentos que resgatam a criança existente em Ellie através de piadas sem graças ou chateando o Joel com besteiras e brincadeiras, também mostra seu amadurecimento ao ter que atirar em uma pessoa para salvar Joel. Para aqueles que ainda estavam receosos com a escolha da Bella Ramsey como Ellie esse episódio serviu para mostrar que essa escalação foi perfeita e encaixou demais. É muito difícil assistir esse episódio e não se apaixonar pela Bella como Ellie, a vontade que dá é de colocá-la em um potinho e guardar para sempre.


Além do ótimo desenvolvimento de personagens, o episódio consegue mostrar boas cenas de ação com muito tiroteio e tensão para aqueles que reclamavam que a ação havia sido esquecida e estavam desvirtuando daquilo que estava no jogo. Da mesma maneira, novos personagens e novos mistérios são apresentados e servirão para dar andamento à história e provavelmente mudarão os rumos que tudo tomará.


Por fim, esse episódio deixa claro que os fungos não são a parte mais ameaçadora, e mais importante que isso são as pessoas e o que elas se tornaram nesse novo mundo pós-pandemia. Pode até ter sido o capítulo menos impactante até o momento, mas serviu para desenvolver e caminhar com a história, mostrar como a relação de Joel e Ellie fica mais forte a cada segundo que passam juntos e encher de curiosidade os telespectadores pelo que está por vir.

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page